Palavras ao vento

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Fases da Vida


Ainda que chova, e às vezes chove muito, a memória da ternura luminosa e imutável do sol faz eu lembrar da natureza preciosa da vida. O sol não vai a lugar nenhum, ele fica exatamente onde está, mas a nuvem, a chuva, sempre passam.

3 comentários:

Thaysa Lopes disse...

adorei seu blog, estou te seguindo.

http://garotasindiscretas.blogspot.com/

disse...

lindo e forte!!! sem perder o brilho...
beijooos

Flor de Lótus disse...

Oi,Talita!O sol sempre votla a brilhar, não pdoemos deixar de ter fé em dias melhores.
Uma ótima e abençoada semana!
Beijosss

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...